(Crédito: Mauro Horita/Estadão Conteúdo - 24.1.2018)

O goleiro Cássio não escondeu a felicidade por ser convocado à Seleção Brasileira que disputa a Copa do Mundo na Rússia, no mês que vem, mas não definiu o assunto como prioridade até a sua apresentação. Desfalque certo para algumas partidas que o Timão terá pela frente na temporada, o arqueiro não quer ser poupado e confirmou presença tanto no jogo desta quinta, contra o Deportivo Lara, na Venezuela, quando no de domingo, contra o Sport, na Ilha do Retiro.

“A minha deia é essa, de ir para a Seleção com o time classificado. Temos um jogo difícil lá, equipe que venceu os dois jogos em casa. Não quero descanso nenhum, não. Até o dia em que eu me apresentar, quero jogar todos os jogos”, avisou o arqueiro.

Chamada na tarde da última segunda-feira, a dupla formada por ele e o lateral direito Fagner deverá se apresentar a Granja Comary, em Teresópolis, já na próxima segunda-feira, dia 21. Dessa forma, eles desfalcarão o Timão em seis rodadas do Campeonato Brasileiro, além da partida final do clube pela fase de grupos da Copa Libertadores, contra o Millonarios, da Colômbia, na Arena Corinthians.

Sendo assim, Cássio fará a sua despedida da fase de grupos do torneio continental nesta quinta-feira, em Barquisimeto, no duelo que pode assegurar aos corintianos a vaga na próxima fase da Libertadores. De acordo com o camisa 12, o foco é total na partida.

“Ainda não estudamos, estamos recebendo os vídeos com mais calma. Essa viagem é bem longa, dá para passar bastante coisa para a gente (risos). Eles ganharam de duas equipes difíceis. Temos que jogar com cuidado, tentar não cometer os erros que as equipe que estavam lá cometeram”, avaliou o arqueiro.

A situação alvinegra no torneio continental, por sinal, parecia bastante tranquila após a vitória por 1 a 0 sobre o Independiente, na Argentina, mas perdeu um pouco da “gordura” no Grupo 7 ao ser derrotado pelos próprios argentinos em Itaquera, recolocando o time de Avellaneda na briga pela classificação à próxima fase.

Com sete pontos conquistados, o Timão tem um de vantagem sobre o Rojo e o próprio Lara, rival que pretende lotar o estádio em busca de uma inesperada classificação. O último colocado é o Millonarios, com quatro pontos somados até o momento. A próxima rodada reserva, além do duelo em Barquisimeto, às 21h45 (de Brasília) da quinta-feira, um encontro entre Independiente e Millonarios, na Colômbia, no mesmo horário.

Fonte: Terra